Quando os implantes são contraindicados?

O implante dentário é uma das melhores formas de substituir os dentes que foram perdidos por diferentes situações. Embora seja um procedimento muito indicado, algumas condições de saúde ou na arcada dentária do paciente podem impedir que esse tratamento seja realizado. Confira alguns dos motivos que fazem com que o implante dentário seja contraindicado:

Falta de estrutura óssea no local


Para um ou mais implantes serem colocados na boca do paciente, é necessário que haja uma boa estrutura óssea, capaz de suportar o implante. Em alguns casos, a pessoa fica muito tempo sem o dente no local e por isso vai perdendo sua estrutura óssea. Para a realização de um implante nesses casos, o dentista deve verificar a possibilidade de fazer um enxerto ósseo.

Tabagismo


O implante dentário pode ser feito em pacientes fumantes, porém a taxa de sucesso é menor, já que o os componentes do tabaco têm influência sobre o tecido ósseo. Por isso, é essencial que o dentista deixe claro para o paciente que o tratamento pode não obter os resultados esperados.

Gravidez


Como se trata de um procedimento cirúrgico, que necessita de anestesia e o uso de algumas medicações após a sua realização, o implante dentário não é recomendado durante o período de gestação e amamentação.

Doenças


Pacientes portadores de doenças sistêmicas, como as diabetes, cardiopatias, renais, doenças psiquiátricas, pacientes que se submeteram a tratamentos de quimioterapia e radioterapia, entre outras, devem passar por uma avaliação rigorosa para verificar se há a possibilidade de realizarem o procedimento sem nenhum tipo de complicação.

Fonte: Portal do Sorriso. Disponível em: http://www.portaldosorriso.com.br/quando-os-implantes-sao-contra-indicados/. Acesso em: 01/11/2017.